Pin It

Anjos dos tronos na hierarquia dos anjos cristãos

Anjos dos tronos na hierarquia dos anjos cristãos

Os anjos dos tronos são conhecidos por suas mentes maravilhosas. Eles contemplam a vontade de Deus regularmente e, com seu intelecto forte, trabalham para compreender esse conhecimento e descobrir como aplicá-lo de maneira prática. No processo, eles adquirem grande sabedoria. 

A Hierarquia dos Anjos

Na Bíblia cristã, Efésios 1:21 e Colossenses 1:16 descrevem um esquema de três hierarquias, ou tríades de anjos, com cada hierarquia contendo três ordens ou coros.

Os anjos dos tronos, que ocupam o terceiro lugar na  hierarquia angelical mais comum, unem-se aos anjos das duas primeiras classes, os serafins e os querubins, no conselho de anjos de Deus no céu.

Eles se reúnem diretamente com Deus para discutir seus bons propósitos para todos e tudo no universo, e como os anjos podem ajudar a cumprir esses propósitos.

O Conselho dos Anjos

A Bíblia menciona o conselho celestial dos anjos no Salmo 89: 7, revelando que “No conselho dos santos Deus é muito temido [respeitado]; ele é mais terrível do que todos os que o cercam.” Em Daniel 7: 9, a Bíblia descreve os anjos tronos no conselho especificamente “… tronos foram colocados no lugar, e o Ancião de Dias [Deus] tomou seu assento.”

Os anjos mais sábios

Visto que os anjos do trono são especialmente sábios, eles freqüentemente explicam a sabedoria divina por trás das missões que Deus designa aos anjos que trabalham em níveis angélicos inferiores.

Esses outros anjos – que vão desde os domínios diretamente abaixo do nível do trono até os anjos da guarda que trabalham em estreita colaboração com os seres humanos – aprendem lições dos anjos do trono sobre a melhor forma de realizar as missões que Deus lhes deu de forma a cumprir a vontade de Deus em cada situação.

Às vezes, os anjos tronos interagem com os humanos. Eles agem como mensageiros de Deus, explicando a vontade de Deus às pessoas que oraram pedindo orientação sobre o que é melhor para eles da perspectiva de Deus sobre as decisões importantes que precisam fazer em suas vidas.

Anjos de misericórdia e justiça

Deus equilibra perfeitamente o amor e a verdade em cada decisão que toma, então os anjos tronos tentam fazer o mesmo. Eles expressam misericórdia e justiça. Ao equilibrar a verdade e o amor, como Deus faz, os anjos do trono podem tomar decisões sábias.

Os anjos dos tronos incorporam misericórdia em suas decisões, eles devem ter em mente as dimensões terrenas onde as pessoas vivem (desde a queda da humanidade do Jardim do Éden) e o inferno, onde vivem os anjos caídos, que são ambientes corrompidos pelo pecado.

Os anjos dos tronos mostram misericórdia às pessoas enquanto elas lutam contra o pecado. Os anjos dos tronos refletem o amor incondicional de Deus em suas escolhas que afetam os humanos, então as pessoas podem experimentar a misericórdia de Deus como resultado.

Os anjos dos tronos demonstram preocupação com a justiça de Deus para prevalecer em um mundo decaído e com seu trabalho no combate à injustiça.

Eles vão em missão para corrigir erros, tanto para ajudar as pessoas quanto para trazer glória a Deus. Os anjos dos tronos também impõem as leis de Deus para o universo, de modo que o cosmos trabalhe em harmonia, conforme Deus o designou para funcionar em todas as suas muitas e intrincadas conexões.

Aparência dos Anjos dos tronos

Os anjos dos tronos estão cheios de luz brilhante que reflete o brilho da sabedoria de Deus e ilumina suas mentes. Sempre que aparecem para as pessoas em sua forma celestial, são caracterizados por uma luz que brilha intensamente de dentro.

Todos os anjos que têm acesso direto ao trono de Deus no céu, ou seja, os anjos do trono, os querubins e serafins, exalam uma luz tão brilhante que é comparada ao fogo  ou pedras preciosas que refletem a luz da glória de Deus em sua morada.

 

Avalie este post
[Total: 1 Average: 5]

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!